Total de visualizações de página

sexta-feira, 22 de maio de 2015

SENTI VONTADE DE TE BEIJAR



SENTI VONTADE DE TE BEIJAR

Naquela manhã cinzenta
Ao passear pela colina 
Vi-te surgir de forma lenta
Com um sorriso de menina

Senti vontade de beijar
E, também de te possuir
Mas achei por bem ficar 
A contemplar o teu sorrir 

Jamais pude esquecer
Esse sorriso me iluminou
E, enquanto eu viver
Vive em mim, me marcou 

Tem a beleza duma rosa 
O teu lindo sorriso
E, deixou em polvorosa 
Todo o meu ser, e siso 

Olhei-te nos olhos, querida
E, por ti fiquei enamorado 
Naquele momento da vida 
Foste o ser mais desejado 

Sei que te amarei eternamente
Os meus olhos não se enganam
Serás sempre a mulher diferente
A mulher, que eles amam

Luís Filipe D. Figueiredo
2015-05-22

Um comentário: