Total de visualizações de página

sexta-feira, 31 de julho de 2015

ENCOSTA O TEU ROSTO AO MEU




ENCOSTA O TEU ROSTO AO MEU

Encosta o teu rosto ao meu
E, deixa a tua mente voar
Vem amor, faz como eu 
E, sente a minha boca te beijar

Fascinas-me com o teu olhar
Fascinas-me com o teu amor
Perto de ti, Sinto-me levitar 
Com alma repleta de fulgor 

Perco a noção do tempo 
Perco a noção do espaço
Deixo-me levar pelo vento

Quando sinto o teu abraço
Dás-me força, e alento 
Ao sentir-me no teu regaço

Luís Filipe D. Figueiredo

Nenhum comentário:

Postar um comentário