Total de visualizações de página

segunda-feira, 3 de agosto de 2015

QUERO SENTIR O TEU RESPIRAR



QUERO SENTIR O TEU RESPIRAR

Quero sentir o teu respirar
E, também o teu odor 
Para poder legitimar
E, justificar este meu amor

Quero transcender 
Este sentimento
Que me faz viver 
E, voar o pensamento

Quero lembrar-me de ti 
Suspirar de amor, e desejo
Sentir o que jamais senti 

Ao sentir o teu coração, e o seu latejo
Quero sentir-me, um colibri
A sugar uma flor, com o sabor do teu beijo 

Luís Filipe D. Figueiredo

Nenhum comentário:

Postar um comentário