Total de visualizações de página

segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

EU, NÃO SEI



EU, NÃO SEI 

Eu, não sei, se é amor, ou loucura 
Este sentimento, que vive em mim 
Apenas sei, que a tua formosura 
Deixa-me confuso, e a pensar assim 

Eu, não sei, se sinto o teu corpo, ou o meu 
Quando me envolvo contigo no leito 
Só sei, que um, o outro envolveu 
E, se unificou num movimento perfeito 

Eu, não sei, por quanto tempo vou sentir 
Este vulcão que me domina, e agita o peito 
Mas, que o meu coração não consegue repelir 

E, diz-me baixinho, que é meu direito 
Eu, não sei, se algum dia vou conseguir 
Deixar de amar-te, e sentir-te deste jeito 

Luís Filipe D. Figueiredo 

Todos os direitos reservados
Lei de Direitos de Autor (Lei 9610/98)

Nenhum comentário:

Postar um comentário