Total de visualizações de página

sábado, 17 de outubro de 2015

AMO-TE, TANTO MINHA VIDA


AMO-TE, TANTO MINHA VIDA 

Amo-te, tanto minha vida 
Só tu és o meu amor
Amor, que me causa ferida
E, cada dia se torna maior 

Quanto maior é o meu ardor 
Ao olhar o céu, repleto de estrelas
São tão maravilhosas, e belas
Que dispensam orador

Persuadem por si mesmas 
Tão intensa, é a sua magia
Que, eu perplexo ao vê-las 

Sinto uma enorme nostalgia
Comparo-te com elas
E, voo nesta imensa travessia

Luís Filipe D. Figueiredo