Total de visualizações de página

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

NO DIA EM QUE TE CONHECI



NO DIA EM QUE TE CONHECI

No dia em que te conheci 
Fiquei tão maravilhado
Que o sentimento que senti
No coração ficou gravado

Nervoso, e atrapalhado
Sem saber o que te dizer
Dei um beijo molhado
Na tua boca com prazer

Ai como foi longo, e belo 
Esse beijo que te dei
Jamais pude esquecê-lo

E, por ti me apaixonei
Num sentimento singelo
Com o qual viverei

Luís Filipe D. Figueiredo

Todos os direitos reservados
Lei de Direitos de Autor (Lei 9610/98)