Total de visualizações de página

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

PEDI AO TEMPO, MAIS TEMPO.


PEDI AO TEMPO, MAIS TEMPO.

Pedi ao tempo, mais tempo.
Que me deixe aqui estar.
Não quero ter o contratempo.
De partir, sem te abraçar.

Pedi ao tempo, mais tempo.
Necessito, de te olhar.
E, que tu chegues atempo. 
De eu ter tempo de te amar.

Se o tempo não me der tempo.
Vou enviar-te pelo mar. 
Este belo sentimento. 

Que o tempo, não me deixou dar.
Partirei com o ressentimento. 
Do tempo, o tempo me negar. 

Luís Filipe D. Figueiredo

Todos os direitos reservados
Lei de Direitos de Autor (Lei 9610/98)


Nenhum comentário:

Postar um comentário