Total de visualizações de página

sábado, 12 de março de 2016

HOJE VOU QUERER OUVIR



HOJE VOU QUERER OUVIR 

Hoje vou querer ouvir 
O silêncio do meu coração
O som do teu inexistente sorrir
A voz embargada da solidão 

Hoje vou querer ouvir 
O desespero da minha mágoa 
O infortúnio do meu sentir
A tristeza que magoa 

Hoje vou querer ouvir 
O grito silenciado 
Que um dia quis emitir 

Quando estava alterado 
Hoje vou querer ouvir 
Apenas ouvir, e ficar calado

Luís Filipe D. Figueiredo 

Todos os direitos reservados
Lei de Direitos de Autor (Lei 9610/98)