Total de visualizações de página

terça-feira, 30 de maio de 2017

O SOL ADORMECE, E A NOITE CAI


O SOL ADORMECE, E A NOITE CAI

O sol adormece, e a noite cai.
E, eu persigo a lua, para ver onde vai.
Falo com ela, com muito carinho. 
E, deixo-me de sentir, tão sozinho.

Digo-lhe que é bela, com emoção.
E, fico à janela, com a sensação.
Que te vou encontrar, nalgum lugar.
No céu, na terra, ou à beira-mar.

Deixo voar, os pensamentos.
E peço ajuda aos oito ventos.
Que sem hesitar, sopram bem alto
Fazendo-me levantar, os pés do asfalto 

Voando para ti, com muita paixão.
E albergando-te em mim, no coração.

Luís Filipe D. Figueiredo

Todos os direitos reservados
Lei de Direitos de Autor (Lei 9610/98)



Nenhum comentário:

Postar um comentário