Total de visualizações de página

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

ADORO EM TI, O TEU LINDO CORAÇÃO


ADORO EM TI, O TEU LINDO CORAÇÃO.

Adoro em ti, o teu lindo coração.
E, também a mulher que és.
Adoro em ti, esta sensação.
De sentir-te, da cabeça aos pés.

Adoro em ti, a grandeza da tua alma.
O poder da tua entrega.
Adoro em ti, o fascínio, que me acalma.
E, muitas vezes me congrega.

Adoro em ti, esse teu ar sedutor.
Que me fascina, e deixa-me louco.
Adoro em ti, o fulgor.
Com que te entregaste, ainda pouco.

Adoro em ti, a moça, (mulher).
Que o meu coração quis acolher.

Luís Filipe D. Figueiredo
Todos os direitos reservados
Lei de Direitos de Autor (Lei 9610/98)

ADORO EM TI, O TEU LINDO CORAÇÃO


ADORO EM TI, O TEU LINDO CORAÇÃO.

Adoro em ti, o teu lindo coração.
E, também a mulher que és.
Adoro em ti, esta sensação.
De sentir-te, da cabeça aos pés.

Adoro em ti, a grandeza da tua alma.
O poder da tua entrega.
Adoro em ti, o fascínio, que me acalma.
E, muitas vezes me congrega.

Adoro em ti, esse teu ar sedutor.
Que me fascina, e deixa-me louco.
Adoro em ti, o fulgor.
Com que te entregaste, ainda pouco.

Adoro em ti, a moça, (mulher).
Que o meu coração quis acolher.

Luís Filipe D. Figueiredo

Todos os direitos reservados
Lei de Direitos de Autor (Lei 9610/98)